Faculdade

Para responder esta pergunta e fazer uma escolha, antes, você precisa saber EXATAMENTE qual a diferença entre um curso técnico e uma faculdade. A gente te explica!

 

CURSO TÉCNICO

O curso técnico é de nível MÉDIO, portanto NÃO é considerada uma graduação (faculdade) e essa é sua principal desvantagem em relação ao Ensino Superior, pois não te permitirá avançar e fazer, por exemplo, uma pós-graduação em seguida. 

A duração do curso técnico varia entre dois meses a três anos. 

O principal objetivo é capacitar a mão de obra de forma rápida para o mercado de trabalho e se apresenta em três modalidades diferentes: 

Assine o nosso blog!

Curso técnico integrado – Algumas instituições de ensino oferecem o curso técnico junto do Ensino Médio, portanto você cursa as duas coisas ao mesmo tempo, o que pode ser um diferencial para quem nunca trabalhou e está tentando ingressar no mercado de trabalho. Você precisa ter concluído o Ensino Fundamental para fazê-lo.  

Curso técnico concomitante – Neste caso, você estuda o Ensino Médio numa escola e num determinado período e o Ensino Técnico em outra instituição e em outro horário. Para isso, você precisa, pelo menos, estar matriculado no primeiro ano do Ensino Médio. 

Curso técnico profissionalizante ou subsequente – Para este, você precisa ter concluído o Ensino Médio. A duração é de, no máximo, dois anos divididos em módulos. 

Em todos os casos, o objetivo é a PROFISSIONALIZAÇÃO. 

 

FACULDADE

Graduação é faculdade? É sim, meu caro! E por faculdade também pode ser entendida a parte física da instituição de ensino, onde são oferecidos diversos cursos de nível SUPERIOR.  

Porém, a origem da palavra é do latim FACULTAS que significa o poder, o direito, a aptidão de fazer algo. E é exatamente isso que a faculdade propõe: te ajudar a desenvolver seu dom, seu talento, seu potencial para fazer algo com competência (SABER) e habilidade (SABER FAZER) em prol da sociedade e de seu projeto de vida. 

A faculdade, graduação ou Ensino Superior varia de dois a seis anos (Medicina, por exemplo). São inúmeros cursos nas áreas de Exatas, Humanas, Saúde, etc. e também encontra-se em três modalidades diferentes:

Bacharelado

O objetivo do bacharelado é formar um PROFISSIONAL GENERALISTA, ou seja, com conhecimentos sólidos que se estendem a vários campos relacionadas à sua área de formação. 

Os cursos de bacharelado são oferecidos tanto em faculdades públicas como privadas, nos formatos presencial e à distância.

Licenciatura

O objetivo da licenciatura é formar PROFESSORES e EDUCADORES, ou seja, profissionais focados na formação de crianças e adolescentes em escolas públicas ou particulares no Ensino Fundamental ou Médio, dependendo de sua área de atuação. 

Tecnólogo

Tecnólogo é graduação? É sim, gente!

Tecnólogo pode fazer pós-graduação? Pode sim!

Quem é formado em Tecnólogo pode fazer MBA? Pode também!

Quem fez tecnólogo pode fazer mestrado no exterior? Simmmmm!!!!

O curso tecnólogo é de nível SUPERIOR e dura no máximo três anos. É muito bem valorizado, pois é voltado para atender as necessidades do mercado de trabalho. 

Lembre-se: para cursar qualquer uma dessas modalidades, é necessário ter concluído o Ensino Médio. 

Agora, vamos imaginar!

Situação 1:

Você terminou o Ensino Médio, se não tem 18 anos está muito perto disso acontecer e alcançar a tão esperada maioridade. 

Sendo assim, você perdeu os privilégios de criança e começa a sentir a pressão seja da família ou da sociedade para “dar um rumo na vida”. E esse rumo envolve tanto emprego como estudo. 

Situação 2:

Você estava empregado, feliz e contente no seu emprego, porém a empresa que trabalhava realizou vários cortes e, infelizmente, você estava no meio dos que foram dispensados. 

Como você já terminou o Ensino Médio trabalhando não se preocupou muito em continuar os estudos. 

Situação 3:

Você está muito bem empregado e surgiu uma grande oportunidade de ser promovido, porém a empresa exige um nível de formação maior do que Ensino Médio

Nas TRÊS situações, a dúvida é a mesma: Compensa fazer curso técnico ou faculdade? 

A resposta é depende do seu OBJETIVO!

– Preciso entrar logo no mercado de trabalho?

– Melhorar meu currículo?

– Obter mais conhecimento em determinada área?

O curso superior tecnológico, por exemplo, é uma ÓTIMA OPÇÃO, que pode te ajudar a ser ágil e recuperar o tempo, além de ser uma graduação de nível SUPERIOR e te permitir a fazer uma pós-graduação depois. 

Mas, pense bem, coloque na balança. Se você tiver na situação 3 em que seu chefe quer de você um conhecimento mais aprofundado talvez você deva considerar fazer logo de cara um bacharelado. Se quer ser professor não há dúvidas, é pelo bacharelado que deve optar. 

Escolha o que melhor se encaixa com seu perfil ou com sua necessidade e vá sem medo!

Ah! E conte com a gente para isso! Se você ainda tiver dúvida em qual curso seguir, a UniMAX oferece suporte por meio de teste vocacional. É só solicitar no Núcleo de Apoio ao Ingressante, que fica no campus I (Avenida 9 de dezembro, 460 – Jardim Pedroso – Indaiatuba/SP) ou pelo telefone (19) 3885-9900. 

Essa é nossa missão!

Tatiane Lima

Marketing em UniMAX
Uma amante das palavras e livros, seus preferidos são os romances policiais. Escreve por prazer desde criança e profissionalmente há 13 anos. É formada em Comunicação Social - Jornalismo (MTB 67029) e possui experiência em assessoria de imprensa pública e em jornais e revistas segmentadas.

Certificação em Produção, Revisão e Marketing de Conteúdo pela Rock Content e em Inbound e Software do HubSpot Sales.
Tatiane Lima